Entrando no mercado de design – O por que do início da serie de posts

No técnico que fiz, relacionado a design, não tive noção de mercado, entrei na faculdade com a certeza de que eu queria criação e design e mesmo assim não tive muita noção de como fazer para entrar no mercado.
Até que teve uma semana de palestras e um redator da JWT revelou aos espectadores “a fórmula” (que para ele era a) certa.
Ele havia falado em fazer 5 campanhas, pois as pastas dos publicitários de hoje em dia só tem peça isolada, mas campanhas mesmo não tem, em média 5 peças por campanha, também falou de não usar produtos em que a propaganda é forte, pois o diretor de arte iria analizar com as próprias propagandas do produto.
E seguindo esses paços eu fiz meu portfólio e comecei a enviar a um monte de agência. Não recebi respostas, por sorte fui chamado por uma entrevista em uma vaga que nem tinha mandado o portfólio.
E graças ao trabalho que consegui tenho uma visão diferente do mercado, aqui não tem fórmulas, porém tem uns macetes que facilitam sua entrada.
Foi pensando nessa defasagem, que muitos aspirantes a designers e afins tem, que vou postar alguns conselhos de como conseguir um estágio na área e como continuar nele, usando minhas experiências como exemplo.

Anúncios

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s