Twitter – Solução ou perdição?

Hoje falei com um amigo meu sobre isso, ele tem uma agência. Ele falou que a idéia é boa, mas ele não vê utilidade para a agência (ele falou isso após eu falar que tem empresas que usam). Ele falou que realmente tem interesse de ter uma ferramente de interação constantes de todos os funcionários, porém não sabe como isso possa ser realmente útil.

E eu comecei a pensar no assunto. Twitter, seria uma solução ou uma perdição? Após essa conversa com meu amigo, comecei a pensar como poderia ajudá-lo. E logo me veio na mente a integração constante dos funcionários, meio que passando um mini-relatóio há quantas anda o serviço. E realmente tem sua utilidade desta forma. Mas do mesmo modo, o cara teria como amigos outras pessoas que mandariam mais coisas e que ele acabaria parando para ler. Será mesmo que tem utilidade para a empresa? Com msn e e-mail, o twitter pode ser mais que um “mini-blog”? (rótulo dado por alguns blogueiros).

Honestamente acho que o twitter tem muito o que crescer, porém precisa ser bem usado, vejo gente lá falando coisas que realmente não tem nada a ver. Claro que as vezes não tem como ter nexo, mas as vezes é bom ter! Achei legal a idéia do Fabio Seixas de narras a corrida de fórmula 1 por lá, é essa a idéia, inovar.

E o Jurubeba está inovando. Em breve teremos entrevistas e debates direto pelo twitter. Claro avisarem a quem quizer participar e abriremos total espaço para a interação.

O jurubeba no Twiiter

Cultura – Museu do Jackie Chan

Hoje é aberto o museu de Jackie Chan, Chan que já acumula mais de 100 filme em seu currículo, visando a lembrança da cultura na china decidiu fazer um museu, contendo seus trabalhos, que tem um grande vículo com a cultura chinesa em si.

Apesar de essa informações para muitos ser inútil, eu acho bem legal isso, já que Chan tem inúmeros fãs por todo o mundo, e com certeza muitos fãs na china.

Explicação – RSS Feed

Ontem a noite recebi uma difícil missão, ajudar uma amiga a entender o mundo dos blogs, e notei que o mundo dos blogs realmente tem algumas coisas complicada para novos leitores, um grande exemplo disso são os famoso RSS Feeds, muita gente já usa, como também tem muita gente que não usa pois desconhece sua função.

Tive outra motivação para fazer este post, essa mesma amiga quando conheceu meu blog falou que o mesmo estava interessante, pois era um blog para iniciantes, com explicações e dicas de como entrar no mercado. Só posso falar que gostei do termo, é legal ver que podemos ajudar alguem.

Partindo para a explicação sobre os Feeds, eu não estou aqui querendo dizer o porque do nome e coisas do genero, caso queira saber aqui está a página da wikipédia sobe isso.

Eu estou aqui para abrir a mente daqueles que não conhecem, saberem o quanto isso pode facilitar a vida. O feed funciona como um email, você pode criar uma conta no Google Reader (ou similares, eu dou a dica desse pois é o que eu tenho e facilita muito.) Você adiciona o feed em um serviço desses, que as atualizações do blog irá direto para lá.

Ou seja, você receberá nessa sua “caixa de email” os posts, sem ter a necessidade de entrar no blog. Ao mesmo tempo que o blog ganha também, pois ter leitores fieis (o caso dos feeds) é muito bom!

Caso ainda tenha dúvidas entre em contato comigo, responderei o mais rapido possível.

Caso queiram adicionar o jurubeba no Google Reader, procurem pela url do blog, ou clique na caneca ao lado e copie e cole a URL no campo “adicionar inscrição”.

Blogs – Olive Riley (LUTO)

Notícia dada por Victor do ComLimão via Twitter.

Olive Riley, Morre aos 108 anos, a blogueira começou a postar em fevereiro de 2007, e já juntava mais de 70 posts sobre a vida moderna. Riley nasceu no dia 20 de outubro de 1899, na Australia, onde residiu até sua morte.

Design – Creative Commons

Estava navegando pela rede quando olhei um blog do meu amigo Rogério Cunha, e lá estava o vídeo de apresentação do Creative Commons, Como funciona? Para que serve? tudo isso esta sendo explicado nesse vídeo genial, mas vou dar uma palhinha.

O Creative Commons serve para o autor de uma obra permita certo meios de utilização, sem gerar problemas com Direito Autoral. É simples e fácil basta autorizar!

Site do Creative Commons

Entrando no mercado de design – A Determinação

Como citei no post anterior sobre o assunto, é necessário um portfólio bem feito que você goste, mas o portfólio não se faz por si só, é preciso ter determinação, é esse o tema do post de hoje.

Quando você esta entrando no mercado você não tem trabalhos tão magníficos (a não ser em casos raros) pois não trabalhou com um diretor de arte para auxiliar, um ponto muito útil para você aprender seu estilo e passar a ter mais noção do que ficaria melhor e tal.

Então como me destacar no meio da multidão enfurecida tentando entrar nesse mercado? A resposta é a determinação, meu primeiro trabalho foi na área de design e criação, já em agência, meus colegas de faculdade falavam para eu desistir e começar e marketing (onde o estágio é mais fácil) e depois passar para criação… Realmente para se entrar no mercado é difícil, porém com vontade você entra, só tem alguns pontos que você precisa para entrar:

* Gostar do que faz, não adianta querer trabalhar em design se essa não é a sua praia, pois estando lá você vai ser colocado á prova se gosta mesmo ou não, e só fica realmente quem gosta.

* Ter determinação para não desistir no primeiro não, Essa é mais complicada, pois eu recebi o primeiro trabalho logo na minha primeira entrevista, mas já havia enviado inúmeros currículos que nem obtive resposta, você não pode desanimar, tem q sempre estar encima das agências mandando currículo e fazendo contatos. O ponto chave esta no primeiro tópico, pois se você realmente gostar, você não irá desistir.

* Fazer contatos sempre que possível, se você faz faculdade na área ou cursos, faça bons amigos, seja sempre antencioso e verdadeiro, não adianta pedir emprego para quem você nunca olhou na cara direito, todo mundo conhece muita gente, nunca menospreze um contato por mais fora da área que pareça. Outra dica boa para dar é para sempre ser sincero com o professor se possível ter um vículo de amigo com ele, pois ele está constantemente na área, e consequente mente pode te indicar para uma vaga. É o caso de um novo estagiário na agência ondse eu trabalho, o dono da agência falou com um professor que deu aula para ele na faculdade (tinha ele no msn) e o mesmo indicou um aluno que era esforçado, agorapense comigo, se você cabula aulas, só zoa na aula, não ta nem ai para o professor, você acha que ele irá te indicar para algo?

* Demonstrar no currículo a área desejada, essa informação eu obtive ultimamente com um artista que eu mandei o currículo pensando que ele tinha uma empresa, ele foi realmente muito simpático e falou que não tonha estrutura para ter um negócio, que trabalhava como freelancer, e me deu dicas no currículo, falando que eu deveria dizer no currículo que área queria, mostrar interesse lá também, Currículo será um tema que abordarei no próximo post da série.

Bom então fica a dica, seja você mesmo e tenha vontade de estar na área, com isso o emprego perfeito aparece.

Cinema – Jogo de Amor em Las Vegas

Hoje, como de costume em finais de semana, fui ao cinema, vi Jogo de Amor em Las Vegas. Realmente o filme foi muito bom, cenas hilárias e românticas.

A história gira em torno de um cara e uma mulher, que se conhecem em Las Vegas quando vão curtir um pouco após perder o trabalho e o noivo (respectivamente) e acabam se casando. A partir daí a história real começa, e deixo essa parte para quando vocês forem ver no cinema, mas devo avisar que o filme não termina exatamente quando começa os créditos, como tem acontecido muito com os filmes atuais, tem umas cenas a mais no final, vale a pena só sair quando as luzes ascenderem por completo.

Mais algo mais me chamou a atenção, a propaganda ficou por parte da agência MPM, que representou muito bem seu papel fazendo uma ação em frente as bilheterias de cinema onde o filme estava em cartaz, reproduzindo uma cena do filme (imagem abaixo).

Vídeo da ação: